Se PLN 4 não for aprovado idosos e deficientes não irão receber

Jair Bolsonaro postou em suas redes sociais as consequências da não aprovação do crédito suplementar pelo Congresso. O Corte para os idosos e deficientes será a partir do dia 25 deste mês.

“Nos meses seguintes faltarão recursos para aposentadorias, Bolsa Família, Pronaf, Plano Safra…”, acrescentou.

jair bolsonaro preocupado